quinta-feira, 4 de março de 2010

Desafogadamente

Respirou reflexões do passado não totalmente passado
e falou : Felicidade, só te abro a porta a meio trinco porque
sempre viestes encheste-me de tanta vida
com apenas alguns segundos de chegada,

mas logo sempre fostes embora com tanta rapidez
que nem tempo de lhe retribuir um café
eu pude.Se for pra repetir é melhor ficar aí!
Pra falar verdade mesmo, desejo que
venhas me ver com mais frequência
e que não penses em ir embora tão cedo,

toma o café ao menos.
E com mais precisão do que sentira até ali terminou:
Quando vieres trazes toda sua bagagem
e acabes morando aqui,

claro que vamos ter visitas incômodas,
mas mesmo assim

não saias daqui,
vamos deixar que os outros sejam as visitas,
breve visitas.

Deixa-nos virar uma vida.
Habite em mim, saboreie cada canto meu.
Ache-se no meu eu.

terça-feira, 2 de março de 2010

No Lado Esquerdo

Talvez os sentimentos tenham se tornado como a água: sem cor, sem sabor, sem especial cheiro, e mesmo eu não querendo eu irei precisar para viver.

;;