quarta-feira, 3 de junho de 2009

Tangente

Passado que renasce no presente
algo que não morreu sobrevive das migalhas
que ainda se sente,
vai se fechando tudo e o novo e certo
não se consegue ver como seguro,
congelou o que se foi bem forte um dia,
está estagnado de um jeito errado,
não sobra esperanças de mudar
só se vê o medo de errar
mais uma vez se isso proliferar.

1 comentários:

Elis disse...

Queria não ter essa impressão, mas acho que você está falando dela.
Precisa mudar isso. Pro seu próprio bem, precisa.

Se cuide, lhe amo.