sexta-feira, 3 de abril de 2009

Enquanto a gente caminha
minha alma flutua sozinha
procurando um porto
pra iludir um pouco
pra distrair a solidão

Querendo ou não
estou só
vou vivendo
comigo em mim

Entornando mais uma garrafa
todos procuram graça
parece fácil aos olhos
mas pesa até os ossos
não acho explicação

Sou sincera
matem a tristeza
e a solidão
instruam o coração

Modificando a vida
tornem mais prazerosa
por mais que doída
assim se escapa
e a vida fica vívida

1 comentários:

Elis. disse...

cê tá triste? ou tá se sentindo só?
fica bem... e não esqueça que eu a amo.